14 abril 2013

Declaração Universal do Moleque Invocado

Esta semana começam as provas do filhote, então este fim de semana estamos fazendo uma revisão da matéria e eu me deparei com este texto encantador (parte de um livro pela minhas buscas). E já vou providenciar a compra do mesmo.

Retirado do livro de português/linguagens - William Roberto Cereja/Thereza Cochar Magalhães. Livro de onde o texto foi retirado - Declaracao universal do Moleque Invocado - Autor: Fernando Bonassi.

[...]
Toda criança tem seu direito de comer pelo menos oito brigadeiros bem molinhos por semana.
Será criado o vale-pizza. O governo terá obrigação de instalar uma torneira de refrigerante em cada casa de família.
[...]
Toda criança tem direito a escola com piscina aquecida, computadores (com joguinhos, desenhos animados e mapas divertidos), escorregadores, teatro, cinema, autorama, chantilly, jogo de dama, chocolate, balanços e, principalmente, carteiras com travesseiros pra não dar calo na bunda. Só serão contratados pra essas escolas os professores que tiverem ATESTADO DE ADULTO BOA GENTE a ser fonecido pelas crianças mais invocadas da vizinhança. Todo quarteirão de qualquer cidade será obrigado a ter um campo de futebol e um parque cheio de árvores com, pelo menos, metade do tamanho dessse mesmo quarteirão.
Toda criança tem direito de saber de tudo, inclusive como as crianças nascem, o porquê das guerras, como os peixes respiram dentro da água, se a galinha veio primeiro que o ovo, pra onde vai o escuro quando a gente acende a luz, com quantos paus se faz uma canoa [...], o que é "aurora boreal", "natureza-morta", "pedra-sabão" e o sigificado dos palavrões (mesmo os mais feios e nojentos, tipo "canalhão).




Um comentário:

Palavras Vagabundas disse...

Adorei a declaração, risos
bjs
Jussara